O grande desafio de contratar recursos técnicos – será que o RH pode ajudar?

Contratar recursos técnicos sempre foi um grande desafio para empresas pequenas, medias e grandes. Sem conhecimento ou ferramentas para poder avaliar tecnicamente um candidato o trabalho do time de RH fica ainda mais complexo e não precisa ter uma longa experiência de trabalho para conhecer a tensão entre o departamento de recursos humanos e o gerente/diretor que esta contratando profissionais técnicos para o seu time. Na maioria dos casos acaba sendo uma experiência frustrante para os dois lados (as vezes 3, contando o lado do candidato …).

Como o gringo diria: “it doesn’t have to be that way!” (ou seja – tem como melhorar isso). Mas vamos por partes …


A relação entre RH e Gestor com vaga


Uma recente pesquisa conduzida pela Hacker Rank mostra uma fotografia desta situação ressaltando alguns motivos que leva essa relação ser complicada. Os pontos chave desta pesquisa são:

  1. Existe uma grande diferença na definição de contratação de sucesso entre o RH e o gerente/diretor que esta contratando

  2. Existe uma grande diferença no que as duas partes acreditam ser preciso para melhorar esta relação

1. Definição de contratação de sucesso

Se de por um lado tudo mundo concorda que o fator mais importante para uma contratação de sucesso esta no alinhamento entre as competências do candidato e as desejadas para uma determinada vaga, tem muito menos alinhamento sobre quais são as segunda, terça e quarta característica a ser utilizada para medir o sucesso da contratação.

  • Performance Futuras: é considerado um dos maiores fatores de sucesso por 50% dos gestores que estão contratando um recurso em quanto so 31% dos profissionais de RH concorda com isto;

  • Tempo de contratação: é avaliado como a segunda metrica de sucesso de uma contratação pelo pessoa de RH (44.9%) em quanto o gestor com a vaga coloca esta métrica no quarto lugar (28.2%)

Abaixo as respostas dos gestores dos recursos (esquerda) e do time de RH (direita) visualiza estas diferencias.

2. Como melhorar a parceria entre RH e Gestor


Se a diferencia de prioridades num processo de contratação evidenciada acima é justificavel pelos objetivos da area de atuação na empresa, esta segunda pergunta aponta a uma diferencia de visão quando o assunto é como melhorar a parceria entre as partes.

De uma certa forma é possível ler a distribuição das respostas dos dois lados como um pedido de melhoria em aspecto especificos desta relação.

  • Alinhamento sobre os skills: com a velocidade de mudança dos skills necessários para atuar nas áreas técnicas não surpreende o fato que os gestores vê o alinhamento sobre a skills do candidato como o maior obstáculo para melhorar a parceria

  • Prontidão nas respostas:  do outro lado o pessoal de RH classifica como o maior obstáculo a capacidade dos gestores de oferecer avaliação e feedback de forma rápida.  Alem do fato que os gestores tem pratos bem cheios e que a contratação é mais uma atividade em cima do trabalho do dia-dia, este aspecto da relação é amplificado pelo fato que – como evidenciado no primeiro ponto acima – fechar a contratação de forma rápida é considerado como um dos maior fator de sucesso pelo RH.

Abaixo as respostas dos gestores dos recursos (esquerda) e do time de RH (direita) visualiza estas diferencias.

Consenso sobre o processo de contratação de recursos técnicos


Apesar das diferencias de perspectivas sobre este complexo processo existem algum pontos aonde existe consensus:

  1. O Curriculum do candidato perdeu a relevancia

  2. Como Inteligência Artificial pode ajudar neste processo

1. O Curriculum do candidato perdeu a relevancia

Na verdade o curriculum nem aparece na lista de qualificações avaliadas antes de convidar um candidato para uma intervista.

  • ~ 80% das respostas indica a experiência de trabalho como relevante

  • ~ 46% das respostas indica o anos de experiência como relevante

  • Projetos personais ficou no 3ro lugar com 37%em frente de um titulo em cienca da computação (35%)

  • Portfolio (22.1%), Contribuição em Software Open Source (18.1%) e Certificados (15.8%) de cursos ficaram em frente do Prestigio da Escola de formação (10.6%)!


Esses dados confirmam como o aprendizado contínuo e baseado em projetos – pilares de fundamento da The AI Academy – sejam trends ja estabelecidos no mercado de profissionais técnicos.

Além disso  75% dos intervistados indicaram que contrataram no passado candidatos excelentes sem uma forte qualificação no papel

2. Como Inteligência Artificial pode ajudar neste processo

Último aspeto interessante desta pesquisa foi uma pergunta sobre o papel da Inteligência Artificial no processo de contratação de profissionais técnicos. 

Identificar os candidatos, Avaliar os candidatos e o conhecimento deles fora indicados como areas onde Inteligência Artificial vai ajudar mais no futuro.


Confira a pesquisa completa aqui

Conclusões

A contratação de recursos humanos nas áreas técnicas é um processo complexo com muitos desafios. Esta pesquisa aponta alguns aspectos onde o pessoal de RH e o Gestor que precisa contratar os profissionais tem perspectivas diferentes mas evidencia também alguns trends consolidados no mercado.

A complexidade só aumenta quando se trata de posições para vagas de Cientista de Dados, Engenheiro de Dado ou Engenheiro de Aprendizado em Maquina e Inteligência Artificial – que é o foco de atuação da The AI Academy.

Se voce esta com dificuldade de avaliar candidatos para uma posição neste setor entre em contato conosco – tailentos@the-ai-academy.com

#AI #Recruiting #Talents

6 views

©2020 by The AI Academy.